Músicos apresentam a “escopetarra” nos EUA

Fonte: Terra

Quinta, 29 de junho de 2006, 01h10  Atualizada às 05h40

O som de um fuzil AK-47 transformado em guitarra foi ouvido esta noite pela primeira vez em Nova York, numa apresentação do grupo colombiano Almas Parlantes, paralela à Conferência sobre Armas Leves que começou segunda-feira, na ONU. O instrumento, batizado de “escopetarra”, foi tocado pelo guitarrista César López. Em 2003, ele teve a idéia de transformar a violência das armas em música, e incorporou a invenção ao seu grupo de música experimental.

O Almas Parlantes foi uma das atrações da noite, num show contra as armas promovido pelas organizações Anistia Internacional, Rede Internacional de Ação contra Armas Pequenas (Iansa) e Oxfam. O grupo, formado há seis meses para defender a paz na Colômbia, iniciou sua primeira apresentação em Nova York com a vocalista Adriana Lucía cantando “La violencia le teme al amor”.

Após a apresentação do quarteto colombiano, a atriz Rosario Dawson, de origem cubana, falou sobre o uso das armas de fogo contra as mulheres, para apresentar o grupo de hip-hop, do poeta, ator, músico e ativista Zola, da África do Sul. Em seguida, veio a cantora Angelique Kidjo. Zola fez o papel de um gângster no filme Tsotsi que este ano ganhou um Oscar de Melhor Filme Estrangeiro. “Quem atira tem medo de ser honesto com o coração”, diz a letra da canção de López. O telão no fundo do palco mostrava fotos de vítimas da violência e de crianças usando fuzis AK-47.

“O conflito armado na Colômbia tem mais de 40 anos. Tenho 33, portanto não sei o que é viver sem conflito”, disse López numa entrevista coletiva. “Tentamos sonhar com a paz e para isso buscamos a ajuda da música com a ‘escopetarra’, que é um AK-47 que pertenceu aos grupos ilegais e agora é um objeto de reflexão”, disse.

O músico falou além disso sobre o projeto Grupo Experimental, na cidade colombiana de Pereira, onde cinco ex-combatentes, que eram inimigos, agora tocam juntos numa banda. Amanhã, o Almas Parlantes vai entregar oficialmente a “escopetarra” aos organizadores da Cúpula sobre Armas Leves.

Imagens da “escopetarra”:

 

  

Depois da Guitarra feita de Mega Drive eu pensava que não ia ver mais nada do genêro…

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: